Pedal de Breque


O dia em que Nelsinho virou Nelsão
24/07/2009, 16:14
Filed under: F1 | Tags: , , , , , ,

Pressão de todos os lados, crítica do chefe, suposta demissão narrada para todo o Brasil…

Nelsinho vive dias difíceis onde o tema principal não é ele como corredor e sim sua demissão. Hoje Nelsinho estourou e mostrou que tem o sangue Piquet nas veias:

“Embora em algumas corridas meu carro não fosse mais de 0s3 mais lento, com a proximidade entre todo mundo, 0s3 faz uma boa diferença”, disse. “Às vezes são pequenas diferenças, mas elas, ao longo da corrida toda, viram uma bola de neve. Por ele ser apenas um empresário, ele não entende porra nenhuma do que três décimos significam.” (Fonte: Tazio)

E as críticas não ficaram só nisto, sobrou para a Renault também.  Nelsinho disse que ele tem um carro inferior ao de Fernando Alonso, o que ocorre porque a Renault não consegue muitas vezes produzir peças novas para ambos ao mesmo tempo.

Mais do que uma tentativa de se impor, vejo como uma forma de adeus mesmo, um grande sinal que o GP da Hungria será o último de Nelsinho Piquet pela Renault, afinal, para chamar a equipe de incompetente e falar que seu chefe não entende nada, ou você tem que ter muita moral ou já estar com os dois pés fora…

Infelizmente, moral ele não tem…

Anúncios


1º e 2º Treinos livres do GP da Hungria

O treino que marcou a estréia de Jaime Alguersuari foi marcado pelo domínio da McLaren. Lewis Hamilton foi o mais rápido, seguido por seu companheiro de equipe.

Para variar, Nico Rosberg andou bem e foi o terceiro, seguido pelo piloto de contrato renovado, Mark Webber.

Nelsinho (15º) foi superado por Alonso (12º). A diferença entre os pilotos da Renault foi de 0s134. Seria o fim do brasileiro? A resposta entra no próximo post!

Os tempos:

1°. Lewis Hamilton (ING/McLaren), 1min22s079 ( 36 voltas )
2°. Heikki Kovalainen (FIN/McLaren), a 0s047 ( 36 )
3°. Nico Rosberg (ALE/Williams), a 0s075 ( 47 )
4°. Mark Webber (AUS/Red Bull), a 0s290 ( 29 )
5°. Kazuki Nakajima (JAP/Williams), a 0s347 ( 40 )
6°. Sebastian Vettel (ALE/Red Bull), a 0s471 ( 30 )
7°. Rubens Barrichello (BRA/Brawn), a 0s562 ( 38 )
8°. Jarno Trulli (ITA/Toyota), a 0s584 ( 28 )
9°. Nick Heidfeld (ALE/BMW), a 0s611 ( 43 )
10°. Timo Glock (ALE/Toyota), a 0s672 ( 45 )
11°. Kimi Raikkonen (FIN/Ferrari), a 0s684 ( 38 )
12°. Fernando Alonso (ESP/Renault), a 0s714 ( 37 )
13°. Jenson Button (ING/Brawn), a 0s727 ( 42 )
14°. Robert Kubica (POL/BMW), a 0s791 ( 36 )
15°. Nelsinho Piquet (BRA/Renault), a 0s848 ( 36 )
16°. Adrian Sutil (ALE/Force India), a 0s899 ( 28 )
17°. Giancarlo Fisichella (ITA/Force India), a 0s950 ( 39 )
18°. Felipe Massa (BRA/Ferrari), a 1s077 ( 32 )
19°. Sébastien Buemi (SUI/Toro Rosso), a 1s097 ( 45 )
20°. Jaime Alguersuari (ESP/Toro Rosso), a 1s863 ( 40 )



O teto surgiu mas a casa caiu – parte 2
13/05/2009, 13:01
Filed under: F1 | Tags: , , , , , , , ,

Como era esperado, hoje foi a vez da Renault falar que não corre mais se as mudanças para 2010 forem aprovadas.

Um porta-voz da FIA confirmou que Max Mosley fará reunião com os membros da Fota, a associação das equipes, nesta semana para discutir o teto orçamentário opcional, ideia da entidade para 2010 que tem sido motivo de conflitos.



Treino oficial do GP da Espanha
09/05/2009, 14:05
Filed under: F1 | Tags: , , , , , , , , , , , ,

Se a corrida terminar como começar, marcarei alguns pontinho no bolão do Tazio! hehehe

Button foi o mais rápido, seguido por Vettel e Rubinho. Massa surpreendeu e foi o quarto… quanto tempo hein? Devia estar com saudade.

Tenho medo de uma coisa só. Felipe Massa largará ao lado de Barrica…o veterano brasileiro anda meio nervosinho e querendo crescer para cima dos outros (vide o caso com o Nelsinho), ele fazer uma lambança na largada não custará nada.. aguardemos…

Nelsinho morreu no Q2 de novo.. mas eu acredito.. YES WE CAN, piquetzinho!

Grid de largada:

1°. Jenson Button (ING/Brawn), 1min20s527 ( 21 voltas )
2°. Sebastian Vettel (ALE/Red Bull), 1min20s660 ( 15 )
3°. Rubens Barrichello (BRA/Brawn), 1min20s762 ( 20 )
4°. Felipe Massa (BRA/Ferrari), 1min20s934 ( 18 )
5°. Mark Webber (AUS/Red Bull), 1min21s049 ( 17 )
6°. Timo Glock (ALE/Toyota), 1min21s247 ( 25 )
7°. Jarno Trulli (ITA/Toyota), 1min21s254 ( 25 )
8°. Fernando Alonso (ESP/Renault), 1min21s392 ( 20 )
9°. Nico Rosberg (ALE/Williams), 1min21s558 ( 22 )
10°. Robert Kubica (POL/BMW), 1min22s685 ( 15 )

11°. Kazuki Nakajima (JAP/Williams), 1min20s509 ( 16 )
12°. Nelsinho Piquet (BRA/Renault), 1min20s531 ( 20 )
13°. Nick Heidfeld (ALE/BMW), 1min20s676 ( 16 )
14°. Lewis Hamilton (ING/McLaren), 1min20s805 ( 12 )
15°. Sébastien Buemi (SUI/Toro Rosso), 1min21s067 ( 15 )

16°. Kimi Raikkonen (FIN/Ferrari), 1min21s291 ( 5 )
17°. Sébastien Bourdais (FRA/Toro Rosso), 1min21s300 ( 8 )
18°. Heikki Kovalainen (FIN/McLaren), 1min21s675 ( 10 )
19°. Adrian Sutil (ALE/Force India), 1min21s742 ( 11 )
20°. Giancarlo Fisichella (ITA/Force India), 1min22s204 ( 11 )



Mudanças na Renault?
24/04/2009, 01:54
Filed under: F1 | Tags: , , , , , , ,

Elas podem estar bem próximas. Briatore declarou que Nelsinho tem mais três corridas para mostrar que pode ser competitivo ou pelo menos ficar bem próximo da colocação final de Alonso.

O jovem piloto brasileiro abriu o coração em entrevista e admitiu que esta mal.

Indícios  me fazem creer que Nelsinho já é carta fora do baralho francês.

 Segundo o site Grande Prêmio (pois não achei nada a respeito no site oficial da equipe) Lucas Di Grassi teria assinado novamente como piloto de testes da equipe Renault.

Oras, os testes estão proibidos durante a temporada e a equipe já conta com o piloto-francês-queiridinho-da-renault Grosjean, para que então seria necessário a chegada de Di Grassi a equipe?

Continuando minha teoria pessoal, o brasileiro foi recontratado para ficar com a vaga de  piloto de testes do próprio Grosjean, que assumiria ainda esta temporada o posto de Nelsinho Piquet.

Minha imaginação vai para este lado, será que viajei demais?



Síndrome de Barrichello
10/04/2009, 17:51
Filed under: F1 | Tags: , , , , , , ,

Em recente entrevista concedida à revista “F1 Racing”, Nelsinho Piquet afirmou que sente-se preterido dentro da equipe francesa, da qual o preferido é Fernando Alonso.

“Tenho um companheiro de equipe bastante forte e uma equipe que olha para ele. Gostaria de uma situação em que ela olhasse para mim” e completou com um sonoro “Toda merda acontece comigo, e ele tem sorte. Como em todos os testes de pré-temporada”.

Situação idêntica vivia Rubinho na Era Schumacher. Se Barrichello sofria a pressão de ser o “substituto de Senna”, Nelson carrega a pressão de um sobrenome famoso que – aliado a sua competência (sim eu gosto dele) – fez com que o Piquetzinho chega-se a F-1.

Da mesma maneira que Rubinho, Nélson sofre por correr em uma equipe que claramente privilegia o companheiro de equipe.

Torço apenas para que Nelsinho Piquet não se acovarde como seu companheiro tupiniquim, que não só reclame como fez nesta entrevista, que bata de frente como o seu pai bateria e siga um caminho melhor, com mais vitórias e menos covardia que o de Rubens Barrichello;



Patrocinados e Patrocinadores

Patrocinados: Fernando Alonso e Nelsinho Piquet

Patrocinador: Renault

Ano: 2009

Os pilotos da equipe fazendo um jabazinho para a montadora. Ao contrário do carro atual da Renault, o comercial é muito bem feito.

Obs: Dica do Brunno